Xiaomi investirá US$ 10 bi em veículos inteligentes

A Xiaomi está preparando uma subsidiária para assumir os negócios na área de carros elétricos e negócios relacionados, o que confirma a entrada da chinesa no mercado de veículos inteligentes. A entidade contará com um investimento inicial de RMB 10 bilhões (R$ 8,67 bilhões). A empresa pretende investir US$ 10 bilhões (R$ 57,14 bilhões) em um período de dez anos.

Lei Yun, CEO da Xiaomi, assumirá o comando da subsidiária que está por vir. “A decisão foi tomada após várias rodadas de deliberação entre todos os nossos parceiros e este será o grande projeto empresarial final da minha vida”, disse o executivo.

Ainda assim, os veículos inteligentes da Xiaomi ficarão para anos futuros.  Yun disse que a empresa não planeja lançar um carro elétrico nos próximos três ou cinco anos. Com isso, a fabricante entra em um mercado competitivo, que já inclui marcas como Apple e Huawei, que já eram rivais da Xiaomi.  A Huawei anunciou este ano que irá desenvolver carros inteligentes habilitados para a 5G.

Além disso, a Tesla já está entregando a versão Model Y na China a partir de sua fábrica de Shangai. Apesar de ainda não ser autônomo, o modelo possui a função Autopilot, que dispõe de sensores, câmeras e radares para identificar objetos. Enquanto isso, a Ford planeja iniciar a manufatura da versão elétrica do Mustang no país. (Com agências internacionais)

FONTE: TeleSíntese
Agradecimentos aos autores originais desta publicação! Até a próxima!