WhatsApp adia a implementação de seus novos termos e política de privacidade

whatsapp-adia-a-implementacao-de-seus-novos-termos-e-politica-de-privacidadeApós divulgar e enviar aos usuários sua nova política de compartilhamento de dados com o Facebook, o WhatsApp adia a implementação de seus novos termos e política de privacidade. Isso aconteceu um pouco depois de muitas pessoas procurarem outras plataformas alternativas, como o Signal e o Telegram.
O aplicativo Signal chegou ao topo das paradas na Play Store, prometendo respeitar a privacidade de seus usuários. Embora o WhatsApp tenha tentado tranquilizar a multidão, afirmando que os chats e chamadas permaneceriam criptografados, decidiu dar mais tempo às pessoas antes de forçá-las a aceitar os novos termos.
whatsapp-adia-a-implementacao-de-seus-novos-termos-e-politica-de-privacidadeImagem: Vivo Tech

WhatsApp reconhece que gerou uma confusão

O WhatsApp reconheceu em seu Blog, que criou uma confusão com sua nova política e está tentando reforçar o fato de que as conversas permaneceriam criptografadas e que nem o WhatsApp nem o Facebook seriam capazes de acessar mensagens, registros de chamadas, locais compartilhados e contatos.
A ideia da empresa agora é dar aos usuários mais tempo para entender sua nova política, que se aplica apenas a chats com empresas. Na verdade, a atualização permite que eles integrem sua experiência do WhatsApp com o Facebook. Alguns de seus dados, dessa forma, seriam compartilhados com a plataforma social. Claro, caso a empresa com a qual você está conversando use o serviço de hospedagem do Facebook ou se você decidir fazer pagamentos através do WhatsApp.
Além disso, a nova política permite que uma empresa coloque um botão do WhatsApp em sua página do Facebook. Ou seja, isso permitiria que você envie mensagens rapidamente usando o WhatsApp. No entanto, as pessoas ficaram com medo de compartilharem os seus dados e correram para outras plataformas!
Esse tempo que a empresa deu para a implementação das novas políticas de privacidade, certamente é tentando reconquistar a confiança das pessoas. Ela está empenhada em esclarecer os novos termos e estendeu o prazo até 15 de maio.
Agora é aguardar até a data limite. Só aí saberemos se a confiança foi reconquistada e reforçada ao ponto de os usuários aceitarem os novos termos do WhatsApp, tranquilamente. Por enquanto, quem acabou ganhando bastante usuários, com a situação, foram o Signal e o Telegram.
Com informações de: Android Police

FONTE: Blog SempreUpdate
Aproveito a oportunidade para renovar meus protestos de respeito e consideração aos autores da publicação original.