Virada do ano traz dança das cadeiras de altos cargos no setor

A virada do ano de 2020 para 2021 trouxe novos nomes para as altas posições nas hierarquias  de empresas. No Brasil, além da recondução de Vicente Aquino como conselheiro da Anatel, Jarbas Valente voltou ao cargo de presidente da estatal brasileira Telebras depois de deixar a cadeira em 2018.

A IBM nomeou, pela primeira vez, uma mulher para presidente das operações da empresa no Brasil. Por sua vez, a Qualcomm escolheu dois brasileiros para o cargo de CEO e para Presidente da Qualcomm América Latina.

Telebras e Anatel

O Conselho de Administração da Telebras aprovou o nome de Jarbas Valente para a presidência da Telebras em 22 de dezembro de 2020. Valente já havia ocupado a posição na estatal entre abril de 2018 e janeiro de 2019, durante a gestão de Gilberto Kassab no Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Ele substitui Waldemar Ortunho Junior, deslocado para a direção da Agência Nacional de Proteção de Dados (ANPD).

Especialista em Análise de Sistemas, em Comunicação de Dados e em Marketing de Serviços, Jarbas Valente é Engenheiro Eletrônico e de Telecomunicações graduado pela Universidade de Brasília (UnB). Ele já foi presidente de Conselhos de Administração de diversas empresas do Sistema Telebras, além de ter ficado vários anos na Anatel.

Na Anatel, Vicente Aquino foi reconduzido ao o cargo de integrante do Conselho Diretor. Com isso, ele fará parte do conselho por mais cinco anos. O advogado foi conselheiro da autarquia nos últimos dois anos, em substituição a Otávio Luiz Rodrigues Junior que renunciou em 2018.  Também irá presidir o Conselho de Usuários de Telecomunicações (Cdust) da Anatel.

IBM

Katya Vaskys se tornou a primeira mulher a liderar as operações da IBM no Brasil ao ser nomeada  gerente geral em 4 de janeiro. Ela substitui Tonny Martins, que passou a ocupar o cargo de gerente geral da IBM América Latina em outubro do ano passado.

A nova líder possui 25 anos de experiência técnica e de negócios na indústria de Tecnologia da Informação. Antes de assumir a liderança da IBM, Vaskys atuava como diretora. Ela se juntou à empresa em 2010 na unidade de Global Business Services, onde foi responsável pela criação da prática de Business Analytics & Optimization.

Vaskys se formou em Comunicação Social pela Universidade Metodista de São Paulo e possui pós-graduação em Análise de Negócios e Sistemas de Informação pela Universidade de Anhembi Morumbi.

Qualcomm

A Qualcomm informou em 6 de janeiro que o Conselho de Administração escolheu, por decisão unânime,  o brasileiro Cristiano Amon como CEO. Ele vai suceder Steve Mollenk a partir de junho de 2021. Após 26 anos na companhia, Mollenk irá se aposentar, mas continuará na empresa como conselheiro estratégico.

Por sua vez, Amon entrou na Qualcomm como engenheiro em 1995 e, desde 2018, ocupa o cargo de presidente. O brasileiro é bacharel em Engenharia Elétrica e doutor pela Unicamp. Além disso,  serve como co-Presidente do Conselho de IoT do Fórum Econômico Mundial.

Um dia antes, outro brasileiro, Luiz Tonisi, havia sucedido Rafael Steinhauser como presidente da Qualcomm para América Latina. Tonisi passará a se reportar a Jim Cathey, Vice-Presidente Sênior da Qualcomm. Antes de atuar na fabricante de chipsets, Tonisi trabalhou na Nokia por cinco anos e por dois anos era o chefe da Nokia Brasil. 

Com um MBA executivo da IBMEC, ele estendeu seus estudos em negócios na Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA).  Graduou-se em engenharia elétrica na Faculdade de Engenharia Industrial. (Com assessoria de imprensa)

 

FONTE: TeleSíntese
(Excelente website de notícias! Recomendo!)