Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros

Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distrosVários novos sabores do Ubuntu surgiram nos últimos meses, como é o caso do Ubuntu Deepin, Unity e o Lumina. Todos baseados em versões que usam o melhor do Ubuntu com os respectivos desktops como diferencial. Assim, há forte perspectiva de crescimento da família de sabores oficiais do Ubuntu. Porém, para tristeza de muitos, já se sabe que o Ubuntu Lumina não será o sabor oficial. Atualmente em uma versão beta Remix, ou melhor, era. Isso porque os desenvolvedores do Ubuntu Lumina disseram que o sistema foi descontinuado e anunciam duas novas distros chamadas ArisBlu e ArisRed.
Isso porque o Ubuntu Lumina deixou de ser um simples Remix. A decisão foi bem explicada pelo principal desenvolvedor da nova distro, Kai Lyons, em uma postagem no site da distribuição. Para ele, continuar como um Remix trazia muitas limitações para o que ele pessoalmente queria construir.

Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros

Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros
Desde 3 de junho de 2020, estávamos pensando em encerrar o remix e criar o sistema que queríamos. Enquanto Kai trabalha em Rasaturai (às vezes), outra distribuição, continuaremos este projeto com um novo nome e logotipo. Rasaturai está sendo construído para diversão e experimentação (nem mesmo para realmente distribuir adequadamente). Queríamos fazer do Ubuntu Lumina uma distribuição leve, onde pudéssemos usar um sistema operacional estável em qualquer lugar por qualquer motivo. Decidimos que ser um remix prejudicaria não apenas a nós, mas também a Fivnex (nossa empresa em planejamento). Ser um remix nos colocaria essencialmente uma trava da qual nunca poderíamos escapar se esperássemos desbloqueá-la. Estamos movendo o código para um novo nome, novo esquema de versão e, em geral, criando um projeto melhor para os usuários.
Eles ressaltam ainda que tiveram até apoio da Canonical para resolver alguns problemas, mas que  que o Ubuntu Lumina está oficialmente morto. No lugar deste projeto, surgem outros dois chamados: ArisBlu e ArisRed.

Adeus Ubuntu Lumina. Olá, ArisBlu e ArisRed

Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros

Goodbye Ubuntu Lumina, hello Arisblu and Arisred!
— ArisAnywhere (@ArisAnywhere) July 17, 2020

Segundo eles, o ArisBlu será um sistema operacional de desktop voltado para usuários comuns, que estará disponível nos sabores Lumina, MATE, TDE e XFCE. Por outro lado, o ArisRed será um sistema operacional de servidor com edições nos mesmos sabores e sem GUI. O Arisblu foi desenvolvido usando o Ubuntu para a nossa edição baseada em Linux, e existe uma edição dele em FreeBSD.
Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros

Arisblu é construído para um propósito. Diferente de muitas distribuições Linux, criamos o Arisblu por uma razão: misturar os poderosos mundos do FreeBSD e Linux! O Arisblu foi desenvolvido para ser fácil de usar, independentemente da edição que você estiver usando.

Criamos o sistema operacional para ser fácil e compreensível para qualquer usuário novo ou experiente! Com nossas versões no FreeBSD e Linux, essas famílias de SO são bem conhecidas por sua segurança! O Arisblu também inclui ferramentas para criptografia e usar torrents.

Ubuntu Lumina é descontinuado e desenvolvedores anunciam duas novas distros
Então, a família Aris é completada com o ArisRed, que ainda não tem nada oficialmente desenvolvido para ele. Porém, eles pretendem criar sistemas operacionais de servidor criados com FreeBSD e Debian. Usando software personalizado, eles serão utilizáveis (e em breve intercambiáveis). Vem com qualquer área de trabalho suportada pela Arisblu, assim como sem ela. Usará Fish como o shell padrão.

 
 

FONTE: Blog SempreUpdate
Para mais detalhes, acesse o website da publicação original.