TV por assinatura tem leve queda de acessos em outubro de 2021

TV por assinatura tem leve queda de acessos em outubro de 2021
Foto: divulgação

Outubro de 2021 registrou 16,7 milhões de acessos de TV por assinatura, segundo levantamento da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações). O total é levemente menor do que o que o órgão regulador obteve no mês anterior. Em setembro, foram 16,8 milhões.

O estudo é feito mensalmente pela Anatel a partir do total de contratos de telecomunicações (banda larga fixa + telefonia móvel + telefonia fixa + TV por assinatura). Os dados são fornecidos à Anatel pelas próprias prestadoras. O resultado está disponível no portal da agência reguladora.

Também é medida a densidade, que representa o número de acessos dividido por 100 domicílios. Em outubro, esse número foi 23,6. No mês anterior, a densidade era 23,8.

Segundo o relatório da Anatel, o Distrito Federal supera todos os Estados em densidade e acessos de TV por assinatura. São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, nesta ordem, vêm na sequência.

Tecnologia e mercado

O satélite se mantém como a tecnologia mais usada para TVs por assinatura. A ferramenta teve, em outubro, 58,8% dos acessos totais. O uso por cabo coaxial registrou 33,3%, e por fibra, 7,9%. No mês anterior, essas porcentagens foram, respectivamente, 58,6%, 33,4% e 7,9%.

A Claro mantém a preferência do consumidor. Tem 42,2% do market share em TV paga, mesma marca que obtinha em setembro.

A Sky/AT&T, segunda colocada, cresceu um pouco. Sua participação na fatia passou de 28,3% para 28,5%.

Oi teve leve queda, de 20,3% para 20,2%. Vivo ficou nos mesmos 6,8% que registrava em setembro.

Em número de acessos, a Claro mostrou queda expressiva. Veio de 7,11 milhões, em setembro, e conseguiu 7,04 milhões no mês seguinte.

Já a Sky / AT&T registrou leve crescimento, de 4,75 milhões de acessos para 4,76 milhões. A Oi melhorou bastante: de 3,41 milhões para 3,67 milhões

A Vivo, quarta colocada, teve queda de 1,14 milhão para 1,13 milhão.

FONTE: TeleSíntese
Agradecimentos aos autores originais desta publicação! Até a próxima!