TIM cobre 1 milhão de hectares no MS com 4G para a Adecoagro

A TIM está implantando nas fazendas da Adecoagro uma rede 4G na faixa de 700 MHz. O projeto cobre quase um milhão de hectares. Atende a toda a área produtiva da empresa agrícola, formada por 180 mil hectares de canaviais, além de mais 11 cidades do Mato Grosso do Sul, que passam a ter atendimento LTE da operadora.

Os municípios que recebem a rede são: Ivinhema, Angélica, Nova Andradina, Deodápolis, Glória de Dourados, Novo Horizonte do Sul, Distrito Amandina, Distrito Ipezal, Jateí e Naviraí. Nas áreas dessas cidades que receberam cobertura vivem cerca de 200 mil pessoas.

“O desafio de interligar em tempo real nossos equipamentos no campo abriu a oportunidade de desenharmos uma parceria muito maior, que agregou outras soluções nessa mesma rede”, afirmou Renato Junqueira Santos Pereira, vice-presidente de Açúcar, Etanol e Energia da Adecoagro.

Com o projeto, cresceu a integração entre equipamentos e o COA (Centro de Operações Agrícolas da Adecoagro). Atualmente, o COA já está conectado às frentes de colheita (colhedoras, transbordo e caminhões canavieiros) e aos aplicativos de apontamento agrícola e segurança perimetral. Isso permite visualizar a operação online por meio da rede. Cerca de 750 equipamentos já estão conectados e a companhia estima finalizar este ano com 1.300 interagindo em tempo real.

A parceria faz parte do projeto “4G TIM no Campo”, criado em 2018 com o intuito de levar a rede de quarta geração da operadora para o agronegócio brasileiro. Já as operações com a Adecoagro começaram em 2019. A TIM é responsável por fornecer as torres, o sistema de comunicação de dispositivos móveis e soluções IoT. Nos próximos anos, a parceria focará em instalar estações meteorológicas conectadas via rede NBIoT. (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
(Acesse o website do autor da publicação para mais detalhes)