Telefónica e NEC constroem piloto OpenRAN no Brasil

Crédito: telefónica e Nec
Crédito: Freepik

A Telefónica, dona da Vivo, e a NEC firmaram acordo para conduzir testes pré-comerciais de Open RAN em quatro países, entre eles o Brasil. Os testes ocorrerão nos principais mercados da Telefónica, o que inclui Espanha, Alemanha e Reino Unido.

A Telefónica foi uma das operadoras que se comprometeu com a implementação de soluções Open RAN para redes móveis mais flexíveis, eficientes e seguras na era 5G. A operadora assinou em janeiro deste ano o memorando de entendimento (MoU). Com isso, a companhia planeja alcançar o crescimento de 50% em suas redes de rádio baseadas em Open RAN até 2025.

A NEC atuará como o principal integrador de sistemas para a implementação e condução de testes de soluções Open RAN. Os testes terão como base tecnologias de vários fornecedores e devem escalar para um total de pelo menos 800 sites, planejados para uso comercial a partir de 2022.

De acordo com o presidente da NEC Brasil Angelo Guerra, o ORAN trará entre os impactos positivos, liberdade para montar a arquitetura de rede conforme as necessidades de operadores. “Esta será uma relação de ganha-ganha entre fornecedores e operadoras e o projeto anunciado com a Vivo é muito relevante neste sentido”, afirmou.

As soluções Open RAN são compostas por um ecossistema de produtos da NEC, bem como por softwares e hardwares de parceiros líderes na indústria de telecomunicações. As unidades de rádio (RU) 5G massive MIMO (mMIMO) abertas com beamformig avançado da NEC, farão parte desse ecossistema.

Testes e estudos em laboratórios

Telefónica e NEC vão colaborar para a validação e implementação de tecnologias Open RAN e de casos de uso no recém-criado Laboratório de Tecnologia e Automação da Telefónica em Madrid. Os casos de uso incluem Controladores Inteligentes de Rádio (RIC), baseados em IA para otimização de RAN. Englobam ainda automação do ciclo de vida do serviço com base em Gerenciamento e Orquestração de Serviços (SMO). Além disso, haverá teste e automação de implantação de acordo com o framework de Integração e Entregas Contínuas (CI/CD) da Telefónica.

O Centro de Excelência ( CoE ) Global Open RAN da NEC no Reino Unido liderará a integração e validação do ecossistema de fornecedores. Auxiliará também no desenvolvimento conjunto de casos de uso com a Telefónica.

Em julho deste ano, o vice-presidente global de gerenciamento de produtos 5G, Patrick Lopez, adiantou que a empresa estava negociando com operadora brasileira para trazer seu projeto de Open RAN ao país. (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
Meu agradecimento pelas excelentes publicações!