Red Hat Enterprise Linux 8.5 entra no teste Beta

A Red Hat anunciou hoje a disponibilidade para teste público da versão beta de seu próximo lançamento do sistema operacional Red Hat Enterprise Linux 8.5.

Assim, o novo Red Hat Enterprise Linux 8.5 é a quinta atualização de manutenção para a série mais recente e melhor do sistema operacional Red Hat Enterprise Linux 8 e traz vários novos recursos para o console da web do RHEL, como patch de kernel ao vivo sem usar as ferramentas de linha de comando e métricas de desempenho aprimoradas para ajudar você identifica e evita problemas de desempenho.

Red Hat Enterprise Linux (RHEL) 8.5 Beta está cheio de melhorias, novos recursos e é mais fácil para os usuários de RHEL acessar e testar. Esta versão traz patches de kernel ao vivo para o console web, uma série de funções do sistema e melhorias de gerenciamento, e remove o requisito para pedir explicitamente acesso beta. Uma série de novos recursos e aprimoramentos nesta versão são uma resposta direta às solicitações dos clientes. Esta versão continua a cadência de lançamento de 6 meses que a Red Hat anunciou no início do ciclo RHEL 8, fornecendo aos usuários um cronograma de lançamento previsível e confiável.

A página de métricas de desempenho aprimoradas pode ajudar a identificar as causas potenciais de picos elevados de uso de CPU, memória, disco e recursos de rede. Além disso, os clientes podem exportar métricas com mais facilidade para um servidor Grafana, disse Joe Brockmeier da Red Hat.

Red Hat Enterprise Linux 8.5 entra no teste Beta

Red Hat Enterprise Linux 8.5 Entra no teste Beta

Outra novidade no Red Hat Enterprise Linux 8.5 são várias novas funções de sistema para configurar, automatizar e gerenciar serviços em suas instalações do Red Hat Enterprise Linux. Isso inclui função do sistema RHEL para VPN, função do sistema RHEL para Postfix, função do sistema RHEL para timesync, função do sistema RHEL para armazenamento e função do sistema RHEL para Microsoft SQL Server.

Além disso, esta versão apresenta suporte para OpenJDK 17, novos recursos de segurança para tokens de acesso pessoal, suporte para o mecanismo de autenticação NTS (Network Time Security) para NTP, suporte aprimorado para contêineres Linux e linguagens atualizadas para desenvolvedores.

Por último, mas não menos importante, com este lançamento, a Red Hat levantou o requisito para os usuários se inscreverem para o Red Hat Enterprise Linux Beta Access. Portanto, se você tiver uma conta Red Hat, agora terá uma quantidade ilimitada de assinaturas do Red Hat Beta Access.

Se estiver interessado em testar o Red Hat Enterprise Linux 8.5 Beta, você pode se inscrever para baixar uma edição de avaliação auto-suportada de 60 dias no Portal do Cliente da Red Hat. No entanto, lembre-se de que esta é uma versão de pré-lançamento, não adequada para uso em um ambiente de produção.

Via 9to5Linux

FONTE: Blog SempreUpdate
Meu agradecimento pelas excelentes publicações!