Realme inicia vendas de celular de entrada no país

A Realme, marca chinesa de smartphones, começou a vender no país por R$ 999, através de lojas de varejo online, o smartphone C11.  O celular é o mais barato da empresa no país.

O baixo custou levou a fabricante a fazer escolhas conforme o perfil do público que, acredita, vai consumir esse dispositivo. Assim, colocou uma bateria de 5000mAh, para permitir uso por longas durações. Tem também recursos avançados de gerenciamento de energia, como o aplicativo Quick Freeze, que pode reduzir o uso de energia do app em segundo plano e retirando efeitos de tela.

A tela é grande, de 6,5 polegadas, HD. O processador é o Mediatek Helios G35 de oito núcleos de até 1,6 GHz. O armazenamento é de 32 GB, com entrada para cartões de até 256 GB. Em compensação, a empresa economizou na memória RAM, pois são apenas 2 GB disponíveis.

O módulo da câmera dupla também é simples, com um sensor de 13 MP de resolução na lente principal e 2 MP na secundária. A câmera frontal, para selfies, tem 5 MP de resolução. (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
Aproveito a oportunidade para renovar meus protestos de respeito e consideração aos autores da publicação original.