Podemos anuncia que votará contra PL das Fake News

Senador Angelo Coronel em sessão on-line conduzida pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre / Foto: Foto: Leopoldo Silva/Agência Senado

O partido Podemos, terceira maior bancada no Senado, anunciou por meio de nota nesta segunda-feira, 29, que 9 dos 10 senadores devem votar contra o Projeto de Lei das Fake News. É o PL 2360/20, que está na pauta do plenário do Senado desta terça-feira, 30, para ser apreciado a partir das 16 horas, mas sem confirmação no site da instituição.

O presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP) quer votar o PL nesta terça-feira, 30. Mas a falta de consenso sobre a agenda da semana provocou o cancelamento da reunião de líderes prevista para hoje e remarcada para amanhã. Defensor da proposta, ele conta com o apoio das duas maiores bancadas, MDB e PSD, e ainda com votos de partidos de oposição, como PT e Rede.

“Queremos legislação competente precedida de amplo debate com a sociedade”, afirma nota do Podemos. “A despeito do esforço e competência de senadores, é impossível, limitados por esse sistema remoto de deliberação, oferecermos lei capaz de combater o crime cibernético e preservar a liberdade de opinião, sem estimular a exclusão digital, invadir a privacidade e comprometer a segurança de milhões de brasileiros, além de comprometer o desenvolvimento econômico e a inovação. Nosso voto amanhã será não”, antecipa.

Senadores de outras legendas fizeram manifestações no Twitter contra e a favor da proposta e promoveram lives também nesta segunda-feira para tirar dúvidas sobre a proposta. O projeto esteve na pauta da sessão da quinta-feira passada, 25, mas a votação foi adiada por falta de consenso. 

O relator da matéria, senador Angelo Coronel (PSD/BA), ficou de encaminhar ainda hoje um nova versão de substitutivo a ser submetido à apreciação dos parlamentares. Se aprovada, a matéria ainda será analisada pelos deputados.

FONTE: TeleSíntese
(Acesse o website do autor da publicação para mais detalhes)