Novo cabo liga América do Sul aos EUA

A Telxius, que pertence a Telefónica, e a Claro anunciaram hoje, 12, a entrega de um cabo submarino países da América do Sul aos Estados Unidos através do Oceano Pacífico. O Cabo Submarino do Sul do Pacífico (SPSC), também chamado de Mistral (nome comercial usado pela Telxius) passa por Guatemala, Equador, Peru e Chile.

São, aproximadamente, 7.300 km de extensão, com capacidade de transmissão de 72 Tbps. A expectativa é de que o cabo passe a funcionar comercialmente na metade do ano.

Cabos do Grupo Telefónica à venda

Recentemente, a Telxius finalizou outra rede de fibra óptica submarina, que ligou o Brasil aos Estados Unidos. Com ele, a empresa alcançou velocidades recordes de 550 Gbps em um único canal de comprimento de onda através de seu cabo BRUSA.

A empresa de cabos está trabalhando com conselheiros para atrair possíveis compradores. A Telefónica esperava angariar US$ 2,4 bilhões com a venda total da empresa, segundo notícias do ano passado. No entanto, os planos mudaram. Conforme  a Bloomberg, a Telxius agora quer reunir os ativos na unidade Telefónica Infra e realizar a venda parcial do controle da empresa. A Telefónica Infra, por sua vez, será dona de 25% da Fibrasil, empresa de rede aberta que terá como acionistas a Telefônica Brasil, com 25%, e o fundo canadense CDPQ, com 50%. (Com agências internacionais)

FONTE: TeleSíntese
Mais uma vez, agradecemos aos autores originais desta publicação.