Nokia faz previsões para a 5G e detalha fases do plano de reestruturação

A Nokia forneceu hoje, 18, mais detalhes a respeito de seu plano de reestruturação e fez previsões para o mercado e a própria empresa. Em evento para acionistas, o presidente e CEO, Pekka Lundmark, estimou que “o pico do mercado 5G irá durar o dobro do 4G”. Por isso, as tendências advindas da quinta geração, como empresas conectadas e o acesso a internet pela fibra óptica, ainda possuem um longo caminho a percorrer.

Para o mercado geral, a finlandesa anteviu que a taxa de crescimento anual composta (CAGR) do mercado de rede móvel, excluindo a China, crescerá 1% de 2020 a 2023. Enquanto isso, a CAGR da infraestrutura de rede e dos serviços de rede e nuvem terão um acréscimo de 2% no mesmo período.

Em relação ao financeiro da Nokia, a expectativa é de até € 21,8 bilhões, em 2021, para as vendas líquidas ajustadas as flutuações cambiais. Além disso, a margem operacional comparável deverá ficar entre 7% e 10% e, em 2023, entre 10% e 13%. A empresa ainda prevê o retorno sobre capital (ROIC) deste ano entre 10% e 15% e, de 2023, entre 15% e 20%.

A empresa também estimou o crescimento das margens operacionais comparáveis de cada um de seus quatro núcleos de negócios. O núcleo de Redes Móveis, o único que pode ficar no negativo, será entre -1% e 2% em 2021. Já em 2023, esse número será de 5% a 8%. O núcleo de Infraestrutura de Rede pode crescer de 7% a 10% em 2021, e de 9% a 13% em 2023. Hoje, a finlandesa anunciou um contrato com a AT&T para fornecer equipamentos 5G de banda C.

No núcleo de Nuvem e Serviços de Rede, a Nokia prevê um aumento entre 3% e 6% neste ano e, em 2023, entre 8% e 11%. Por fim, as margens operacionais comparáveis do núcleo Nokia Tecnologias deve crescer acima dos 75% tanto em 2021 quanto em 2023.

As fases da reestruturação da Nokia

A reestruturação da Nokia, agora, terá três fases. A primeira, Redefinir, ainda em andamento, envolve a implementação do novo modelo de negócios da empresa e aumento da competitividade do portfólio do núcleo Redes Móveis. A empresa também falou em redefinir sua base de custos. Nesta mesma semana, a Nokia anunciou corte de seu pessoal para maior investimento em pesquisa.

Em seguida, a fase de Aceleração foca em expandir as margens da empresa por automatização, digitalização de suas próprias operações e automatização. A última parte, Scale, consistirá em aumentar casos de uso e novos modelos de negócios. (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
Para mais detalhes, acesse o website da publicação original.