MVNO credenciada da Vivo aposta na expansão da internet das coisas

Desde 2019 estruturando seu funcionamento no país, a operadora móvel virtual Links Field anunciou hoje, 9, que tem 100 clientes corporativos no país. A empresa é focada no mundo da Internet das Coisas (IoT) e M2M e utiliza a rede da Vivo em todo o território nacional. A empresa chegou recentemente à marca de 100 clientes no país, embora não diga quantos chips ativou.

“Nossa chegada ao país em 2019 foi pautada em estratégias de apoio ao desenvolvimento sustentável do ecossistema de IoT, trazendo parceiros globais e clientes para crescerem juntos, possibilitando criação de modelos de negócio diferenciados”, afirma Thiago Paulino Rodrigues, um dos cofundadores da Links Field.

Com origem em Hong Kong, a Links Field Networks (holding do grupo) investiu R$ 5 milhões na Links Field Brasil em 2020. A previsão é aporta mais de R$ 10 milhões “nos próximos anos”, expandindo sua gama de produtos. A empresa conta com 11 escritórios ao redor do mundo, atendendo clientes de diversos segmentos.

A prestação do serviço conta com uma infraestrutura técnica nacional com plataforma online para gestão dos dados em tempo real, que entre diversas funcionalidades da gestão completa das linhas incluem a ativação e suspensão do serviço de dados, adição e remoção de serviços, reset de linha, visualização da localização do equipamento por LBS, e a possibilidade de integração por APIs.

A operadora utiliza eSIM, ou SoftSIM, como chama. A tecnologia transforma o tradicional SIM Card em um Software, eliminando a necessidade do componente plástico nos dispositivos. A integração dos equipamentos com esta tecnologia permite às empresas ganhos com logística de campo, já que os custos associados ao recall de equipamentos para manutenção da conectividade são muito caros, e em muitos casos superam R$ 100 por visita. (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
Mais uma vez, agradecemos aos autores originais desta publicação.