GitHub CLI 1.0 leva o GitHub diretamente para o seu terminal

GitHub CLI 1.0 leva o GitHub diretamente para o seu terminalA versão beta tem seis meses e fez muito sucesso. Agora, finalmente, os usuários poderão ter a primeira versão estável do GitHub CLI 1.0 que acaba de ter seu lançamento oficial. Para quem ainda não experimentou, o GitHub CLI é uma ferramenta útil que traz a funcionalidade de repo completa para o seu terminal.
Uma vez que os desenvolvedores gastam muito tempo em seus terminais, o GitHub CLI 1.0 deve reduzir a troca frequente de contexto entre o terminal e GitHub.com. Isso vai ajudá-los a se concentrar e permitir que criem scripts com mais facilidade e desenvolvam seus próprios fluxos de trabalho.
Desde o lançamento do beta, os usuários criaram mais de 250.000 solicitações pull, realizaram mais de 350.000 mesclagens e criaram mais de 20.000 problemas com GitHub CLI. Ele agora está disponível para download no Windows, macOS e Linux .

Usando GitHub CLI 1.0 em seu fluxo de trabalho

Com o GitHub CLI 1.0, você pode fazer várias coisas, como:

Execute todo o fluxo de trabalho do GitHub a partir do terminal (desde os problemas até as versões)
Chame a API do GitHub para fazer o script de quase qualquer ação e definir um alias personalizado para qualquer comando
Conecte-se ao GitHub Enterprise Server também

Por exemplo, você pode clonar o repo com o qual deseja trabalhar usando
gh repo clone owner/repo.
Você pode usar
gh issue statusou gh issue list –assignee billygriffin
para encontrar o próximo item em que deseja trabalhar.

Use gh pr createpara criar sua solicitação de pull no GitHub, depois de terminar de adicionar um recurso ou corrigir um bug.

Seus colegas podem revisar sua solicitação pull usando gh pr checkout 1337, comparar a diferença com gh pr diffe fornecer uma revisão leve se quiserem usando gh pr review.

Depois de obter a aprovação para a solicitação pull, você pode verificar se todos os seus testes estão aprovados em gh pr checks. Se tudo estiver bem, você pode mesclá-lo imediatamente de seu terminal usandogh pr merge. O GitHub CLI 1.0 irá ajudá-lo ainda mais, oferecendo a exclusão de seu branch localmente e no GitHub.com assim que ele for mesclado.

E, finalmente, quando você estiver pronto para cortar sua próxima versão, apenas use gh release create [tag name]e publique seu código sem nunca sair da linha de comando!
Além disso, GitHub CLI permite criar aliases para qualquer comando usando gh alias set. E agora que você tem o poderoso acesso direto à API do GitHub com o gh api.Portanto, não há limites para o que você pode fazer com o gh.
 

FONTE: Blog SempreUpdate
Nossos sinceros agradecimentos aos autores da publicação!