Firefox 72 impedirá que sites sigam nossa trilha on-line por padrão

Firefox 72 impedirá que sites sigam nossa trilha on-line por padrãoFirefox 67 foi lançado em meados de maio, uma das novidades que esta versão trouxe sob o braço foi a proteção contra impressões digitais, uma técnica elaborada de rastreamento baseada na criação de uma ‘impressão digital’ através de nosso navegador, coletando todos os tipos de informações sobre nosso sistema e hábitos de usuário. Agora, o Firefox 72 impedirá que sites sigam nossa trilha on-line por padrão.
Os desenvolvedores do Firefox seguiram o Opera e o Tor Browser (um derivado do próprio Firefox), que incorporaram essa proteção cerca de um ou dois anos antes, e tomaram a decisão mais ou menos nas mesmas datas.

Firefox 72 impedirá que sigam nossa trilha, um problema muito pior que os cookies

com o BleepingComputer.
Será o usuário que deve desabilitá-lo de propósito, se é isso que ele deseja (é importante manter a opção de ‘verificar’ o navegador, porque, infelizmente, a tecnologia de impressões digitais ainda é necessária para visualizar e usar corretamente alguns sites).
Hoje, o acesso às configurações de proteção anti-impressão digital está disponível na seção ‘Bloqueio de conteúdo’ da guia ‘Privacidade e segurança’ nas opções do Firefox:
Firefox 72 impedirá que sites sigam nossa trilha on-line por padrão
O Firefox estreou em 2019, permitindo a opção de bloquear cookies de rastreamento de terceiros por padrão, e agora aproveitará a estreia de 2020 para enviar uma nova etapa na defesa da segurança cibernética do usuário, que impedirá que sites sigam nossa trilha on-line com a versão 72.
Via: Genbeta

FONTE: Blog SempreUpdate
Aproveito a oportunidade para renovar meus protestos de respeito e consideração aos autores da publicação original.