EUA anuncia plano de US$ 1 bilhão para o avanço da IA e da pesquisa quântica

EUA anuncia plano de US$ 1 bilhão para o avanço da IA e da pesquisa quânticaOs EUA anunciaram um plano de US$ 1 bilhão para estabelecer doze centros federais de pesquisa que irão concentrar seu trabalho em inteligência artificial (IA) e pesquisa quântica.
A mudança ocorre em um momento em que as críticas sobre a escassez de talentos nessas áreas estão atingindo novos níveis. Em parte, o problema é resultado de uma onda de alunos que se matriculam em programas de ciência da computação em muitas universidades. Todavia, os alunos parecem não conseguir acompanhar a demanda.

EUA anuncia plano de US$ 1 bilhão para o avanço da IA e da pesquisa quântica

Os EUA estão financiando 12 novos centros de tecnologia que se concentrarão em uma ampla gama de tópicos sobre inteligência artificial e pesquisa quântica. Em síntese, a mudança faz parte de uma estratégia para evitar que os EUA fiquem atrás de seus rivais em tecnologias emergentes, o que é visto como uma questão de segurança nacional.
EUA anuncia plano de US$ 1 bilhão para o avanço da IA e da pesquisa quânticaOs EUA anunciaram um plano de US$ 1 bilhão para estabelecer doze centros federais de pesquisa.
No início deste ano, a Casa Branca propôs que US$ 2 bilhões fossem direcionados para IA e pesquisa quântica até 2022; e parece que agora está dando os primeiros passos em direção a esse objetivo.
Cinco dos novos centros de pesquisa integrados ao Departamento de Energia receberão US$ 625 milhões em financiamento para tópicos; por exemplo: redes quânticas, computação quântica, sensores especiais e materiais exóticos. Empresas privadas como Microsoft, IBM e universidades contribuirão com mais US$ 300 milhões para esses laboratórios.
Os outros sete centros de pesquisa serão liderados pela National Science Foundation e receberão US$ 140 milhões em financiamento. Como resultado, esses institutos se concentrarão em encontrar novas maneiras de melhorar a fabricação de materiais; melhorar a previsão do tempo e a agricultura de precisão; entre outras coisas.
Por fim, o diretor de tecnologia da Casa Branca, Michael Kratsios, disse em um comunicado à imprensa:
É absolutamente imperativo que os Estados Unidos continuem a liderar o mundo em IA e [pesquisa] quântica. Sabemos que nossos adversários ao redor do mundo estão buscando seus próprios avanços. […] O futuro da prosperidade econômica e da segurança nacional dos Estados Unidos será moldado pela forma como investimos, pesquisamos, desenvolvemos e implantamos essas tecnologias de ponta hoje.
Fonte: Tech Spot
Inteligência artificial está projetando drogas contra coronavírus

Google Arts & Culture lança uma série de brincadeiras com uso de inteligência artificial

Restaurantes de sushi no Japão estão usando inteligência artificial para avaliar cortes de atum

FONTE: Blog SempreUpdate
Meu agradecimento pelas excelentes publicações!