Entidades de telecom pedem prioridade à vacinação de trabalhadores do setor

Ao todo, 14 entidades do setor de telecomunicações, entre organizações patronais e de trabalhadores, uniram-se para lançar uma campanha em defesa da vacinação prioritária aos profissionais da área.

O pedido de vacinação prioritária já foi feito ao Ministério da Saúde. O pleito é voltado a 881 mil trabalhadores realizam serviços externos de manutenção das redes e novas instalações.

“É imprescindível que estes trabalhadores, que estão diariamente na linha de frente, sejam priorizados para vacinação para a proteção de suas vidas. Nossos trabalhadores se expõem para que a população brasileira cumpra as medidas de isolamento social, estude, trabalhe e mantenha relações pessoais à distância e com segurança”, afirmou o presidente executivo da Conexis Brasil Digital, Marcos Ferrari.

As associações e entidades: Conexis Brasil Digital, Abrint, ConTIC, Abrintel, Febratel, Feninfra, Fenainfo, Fenattel, Fitratelp, Livre, Associação NEO, Telcomp, UGT e Sintetel.

FONTE: TeleSíntese
Mais uma vez, agradecemos aos autores originais desta publicação.