Copel Telecom tem preço mínimo de R$ 1,4 bi

O conselho de administração da Companhia Paranaense de Energia, Copel, aprovou ontem, 16, o edital de venda da sua unidade de telecomunicações, a Copel Telecom. O comunicado foi divulgado ao mercado no final do dia e avisa que o preço mínimo definido pela unidade foi de R$ 1,4 bilhão.

O edital ainda não foi publicado. Segundo a empresa, será tornado público na próxima semana, em 21 de setembro. O leilão da Copel Telecom está programado para acontecer 49 dias após a publicação do edital, ou seja, em 9 de novembro. O organizado é a B3.

Os interessados em participar deverão entregar os os documentos de representação, das declarações e da garantia de proposta antes, no entanto: até 5 de novembro.

A Copel Telecom tem clientes de varejo em banda larga por fibra em 399 cidades, 36,2 mil km de fibra óptica implantada e 982 mil homes passed (casas aptas a assinar). A unidade apresentou, no segundo trimestre, receita deR$ 85 milhões, 7% menor que um ano antes, em função do aumento de desligamentos. No primeiro semestre, a receita foi de R$ 172 milhões. Tem ainda uma dívida líquida de R$ 455 milhões. A empresa tem 170 mil clientes.

FONTE: TeleSíntese
Para mais detalhes, acesse o website da publicação original.