Com expectativa de ágio, leilão do 5G se prorrogará até o dia 9, avisa presidente da Comissão de Licitação

A sessão de abertura das propostas de preço para o leilão de 5G da Anatel – que está vendendo as faixas de 700 MHz, 3,5 GHz,  2,3 GHz e 26 GHz foi suspensa, às 10 horas, para que seja transmitida a entrevista coletiva do presidente Jair Bolsonaro, que está no prédio da sede da agência. A venda do espectro é um dos grandes trunfos do governo para a sua campanha eleitoral do próximo ano, tendo em vista que uma das obrigações do leilão é que o serviço 5G seja oferecido em todas as capitais brasileiras a partir de julho do próximo ano. A Anatel estima a arrecadação de R$ 50 bilhões – entre o preço mínimo (de apenas R$ 3 bilhões) e os investimentos para o atendimento aos compromissos de cobertura.

Mas o certame, que estava previsto para acabar nesta sexta-feira, dia 05, devido ao grande número de lotes de frequências a venda, irá se prorrogar até o dia 9 de novembro, próxima terça-feira, informou o presidente da comissão de licitação, Abrãao Balbino, ao Tele.Síntese hoje,5, pela manhã.

A expectativa da Anatel, explicou Balbino, é que haverá disputa de preços – com ágios- em diferentes lotes de frequências, e isto significa que as obrigações terão que ser maior do que as expressas nas regras do edital. ” O ágio será transformado em mais obrigações e as empresas que comprarem as frequências terão que escolher as cidades onde irão atuar”, afirmou ele.

Conforme as projeções da comissão de licitação, hoje deverão ser conhecidos os vencedores que comprarem as frequências de 700 MHz e de 3,5 GHz – lotes nacionais e regionais. Amanhã, o leilão continua com os lances dos lotes de 2,3 GHz e de 26 GHz.

O final de semana e a segunda-feira serão concedidos para que as empresas definam as melhores estratégias de atendimento das obrigações, conforme os lotes que adquiriram de atendimento das obrigações, com base nos lotes que compraram.

 

FONTE: TeleSíntese
Agradecimentos aos autores originais desta publicação! Até a próxima!