Cliente Web do Google Podcasts adiciona feed de assinaturas simples

cliente-web-do-google-podcasts-adiciona-feed-de-assinaturas-simplesEm dezembro de 2020, o Google Podcasts introduziu o suporte RSS para programas que não estão listados publicamente. Entretanto, a experiência do Google Podcasts na web agora tem um feed simples, como no celular, para visualizar todas as suas assinaturas de episódios, facilitando a localização de novos episódios.
cliente-web-do-google-podcasts-adiciona-feed-de-assinaturas-simplesImagem: Google

Google Podcasts Feed Simples

O Cliente Web do Google Podcasts adicionou um feed de assinaturas de podcasts simples. Ele se juntou à página “Assinaturas” existente, localizada na gaveta de navegação. Em vez de conter uma lista simples, o mesmo carrossel “Suas assinaturas” agora aparece aqui. Para aqueles que acompanham muitos programas, isso pode ser inconveniente, pois apenas cinco são exibidos de cada vez. E a rolagem lateral pode ser entediante para muitos usuários.
No entanto, há agora um feed de “Últimos episódios”. É um feed Idêntico ao que aparece na guia Início dos aplicativos Android e iOS, isso torna a localização de novas coisas para ouvir muito mais conveniente, pois você não precisa mais selecionar o podcast primeiro. Nesse quesito, o usuário sai em vantagem e pode gostar do recurso.

Listas do Google Podcasts

As listas do Google Podcasts mostram uma capa, tempo de publicação, título e uma breve descrição do programa. O botão de reprodução na parte inferior também indica a duração do episódio. Isso é bem importante para usuários que têm tempo limitado e precisam organizar cada segundo do seu dia entre uma atividade e outra. Para acompanhar cada podcast sem perder um segundo, é importante saber sua duração, para adequar o tempo disponível para acompanhá-lo
Entretanto, apesar de os recursos estarem implantados, não está claro quando isso aconteceu. No entanto, agora está amplamente disponível. Para a maioria dos usuários, este feed deve ser a página inicial do Google Podcasts em vez de “Explorar”. Agora é só usar e sentir a mudança.
Como dissemos, alguns pontos podem não ser tão úteis quanto parecem, mas aí vai depender de cada usuário.
Com informações de: 9TO5Google

FONTE: Blog SempreUpdate
Por mais esta excelente publicação, agradecemos.