Claro, TIM e Vivo assinam termos de uso do espectro obtido no leilão 5G

Claro, TIM e Vivo assinam termos de uso do espectro obtido no leilão 5G
Crédito: Freepik

Claro, TIM e Vivo, todas as grandes operadoras que arremataram espectro no último leilão da Anatel, já assinaram os termos de autorização de uso de radiofrequências. O prazo se encerrou na noite da últimas sexta-feira, 3.

A partir da publicação dos extratos, as empresas podem iniciar a utilização de quase todas as frequências compradas: 700 MHz, 2,3 GHz, 26 GHz. A exceção fica por conta da de 3,5 GHz. Para este caso um grupo vai acompanhar a limpeza da frequência e dizer o que ficará livre. A meta é que até junho de 2022 todas as capitais tenham 5G standalone – tecnologia que utiliza a faixa.

A limpeza será feita por entidade criada pelas operadoras e supervisionada pelo Grupo de Acompanhamento da Implantação das Soluções para os Problemas de Interferência (Gaispi), formado por representantes da agência, do governo, das empresas e presidido pelo conselheiro Moisés Moreira.

Neko vai assinar

Além de Claro, TIM e Vivo, também já assinaram os termos as regionais Algar Telecom, Brisanet, Copel, Cloud2U, Sercomtel, Unifique e Winity. Uma empresa ainda não assinou: a entrante Neko, dos mesmos sócios da Surf Telecom. Segundo Yon Moreira, seu presidente, e Luiz Quintão, diretor geral, houve atrasos na liberação de documentos relativos à fiança das garantias dos compromissos de atendimento das obrigações relacionadas ao espectro de 26 GHz.

Estes documentos, porém, saíram nesta segunda-feira e serão entregues amanhã ou, no mais tardar quarta-feira, 8. A apresentação dos documentos é necessárias para a assinatura dos termos. A empresa solicitou na semana passada prorrogação do prazo de apresentação do material à Anatel, no que foi atendida. Conforme os executivos, até junho de 2022 a empresa estará operacional e vendendo seus serviços na cidade de São Paulo.

Moreira e Quintão participam, inclusive, da assinatura simbólica dos termos nesta terça-feira, 7. A partir das 15h30 acontece cerimônia no Palácio do Planalto com presença do presidente Jair Bolsonaro, do Ministro das Telecomunica, Fábio Faria, de representantes da Anatel e de todas as compradoras.

FONTE: TeleSíntese
Por mais esta excelente publicação, agradecemos.