Banda larga fixa cai 1,2% em outubro

Image by Tomislav Jakupec from Pixabay

O Brasil fechou o mês de outubro com 35 milhões de contratos de banda larga fixa, com queda de 1,2% na comparação com setembro, porém alta de 5,5% frente ao mesmo mês do ano passado. Os ISPs apresentaram queda de 3,2% na comparação mês a mês, passando de 13,1 milhões em setembro para 12,7 milhões em outubro, resultado atribuído ao atraso nas notificações.

Entre agosto e setembro, os acessos mantidos pelos ISPs pularam de 12,7 milhões para 13,1 milhões. Na comparação anual, a participação de provedores regionais é 26,1% maior.

As grandes teles se mantiveram estáveis em setembro, com 22,2 milhões de assinantes. Porém, na comparação anual, a participação cai 3,5%. A Claro continua na frente, com 9,8 milhões de acessos.

Com relação a tecnologia, os ISPs têm 9 milhões de acessos em fibra óptica, enquanto as grandes teles têm 6,2 milhões. No geral, 19,8 milhões dos contratos têm velocidade de conexão acima de 34 Mbps.

FONTE: TeleSíntese
Nossos sinceros agradecimentos aos autores da publicação!