Baixe o novo Arch Linux que usa o kernel 5.8

Baixe o novo Arch Linux que usa o kernel 5.8Já está disponível a mais nova versão do sistema operacional Arch Linux que utiliza o mais recente kernel Linux 5.8. Portanto, a versão de setembro de 2020 do Arch Linux é a primeira a usar o kernel Linux 5.8. O Arch Linux 2020.09.01 é baseado no kernel Linux 5.8.5. Apelidado como um dos maiores lançamentos de todos os tempos, o kernel Linux 5.8 apresenta mitigações para a vulnerabilidade de hardware SRBDS (Special Register Buffer Data Sampling), também conhecida como CrossTalk, uma nova opção de inicialização initrdmem = para permitir que você especifique uma imagem de disco RAM inicial, como bem como suporte para compressão LZO-RLE no sistema de arquivos F2FS.
Ele também adiciona suporte para Branch Target Identification (BTI) e Shadow Call Stack para a arquitetura AArch64 (ARM64). Além disso, há suporte para criptografia de ponta para a camada de bloco, uma nova chamada de sistema faccessat2 (), um novo mecanismo de notificação de evento, suporte para várias instâncias privadas no sistema de arquivos /proc, bem como várias outras mudanças.

Baixe o novo Arch Linux que usa o kernel 5.8

Baixe o novo Arch Linux que usa o kernel 5.8
Essa mudança é importante, uma vez que acabou o suporte para a versão do kernel Linux 5.7. Esta atingiu o fim da vida últil recentemente e não receberá mais correções de bugs e segurança. Porém, se você acha que uma simples mudança de kernel não é motivo suficiente para uma troca, fique atento.
A nova ISO do ARCH Linux traz todas as atualizações mais recentes de agosto. Além disso, é claro, possui correções de segurança, o que significa que você não tem que baixar centenas de atualizações dos repositórios após a instalação. No entanto, se você já tem o sistema instalado, não precisa fazer muita coisa. Basta executar o seguinte comando no Terminal:

sudo pacman -Syu
Isso deve ser feito de tempos em tempos para garantir que terá a instalação atualizada de todos os lançamentos de software e tecnologias do mundo GNU/Linux. Mesmo assim, se quiser baixar a ISO para novas instalações, acesse este link.

FONTE: Blog SempreUpdate
Agradecimentos aos autores originais desta publicação! Até a próxima!