Apple lança iPhones com 5G

Os modelos iPhone Pro e iPhone Pro Max, lançados hoje, 13, pela Apple, nos EUA

A Apple anunciou hoje, 13, sua entrada no segmento de dispositivos móveis compatíveis com redes 5G. A companhia lançou um novo smartphone, o iPhone 12 Pro Max, que tem a capacidade de se conectar a redes de quinta geração que operem em frequências sub-6 GHz ou em ondas milimétricas (acima de 24 GHz).

Além do iPhone 12 Max e Pro Max, as versões iPhone 12 e iPhone 12 Mini também terão sabores com 5G. Em comum, todos trazem um novo chipset desenvolvido pela Apple, o A14 Bionic, que, como todo ano, a empresa diz ser o mais avançado e rápido já criado por seus engenheiros.

No evento de lançamento, os executivos da companhia insistiram que o aparelho reconhece a maior quantidade de frequências 5G. Dessa forma, a empresa espera que ele seja procurado por mais clientes, nos mais diversos mercados. Nenhuma palavra sobre lançamento no Brasil, no entanto, onde as operadoras Claro e Vivo lançaram redes 5G DSS, e a Oi lançou rede 5G com espectro redestinado do 3G em Brasília.

Os aparelhos são compatíveis com as bandas 5G NR n1, n2, n3, n5, n7, n8, n12, n20, n25, n28, n38, n40 (a ser licitada no Brasil em 2021), n41, n66, n71, n77 e n78 (também presente do leilão da Anatel de 2021), n79 e em ondas milimétricas n260, n261.

Os modelos variam de preço conforme a capacidade de armazenamento e tamanho da tela. Os aparelhos Max e Pro Max têm de 128 GB a 512 GB de armazenamento e telas de 6,1 polegadas e 6,7 polegadas. Já o iPhone 12 e o 12 Mini têm armazenamento de 64 GB a 256 GB, e telas entre 5,4 polegadas e 6,1 polegadas.

Também há distinção nas câmeras fotográficas. Todos os aparelhos lançados hoje têm câmeras traseiras com sensores de 12 MP e lentes wide e ultra wide. Mas apenas os modelos da linha Max possuem o recursos de telefoto (aproximação).

Sem preços previstos, por enquanto, para o Brasil, nem datas de lançamento por aqui, nos EUA os aparelhos vão custar a partir de US$ 699 (iPhone 12 Mini), chegando a US$ 1,4 mil o iPhone Pro Max de maior capacidade. Todas as operadoras dos EUA vão revender o aparelho com planos de troca do usado do cliente.

FONTE: TeleSíntese
Nossos sinceros agradecimentos aos autores da publicação!