Algar expande programa de franquia para Ribeirão Preto

Algar expande programa de franquia para Ribeirão Preto. Crédito: Freepik
Crédito: Freepik

A Algar Telecom está levando seu modelo de negócios de franquias para mais uma cidade do interior de São Paulo: Ribeirão Preto. Entre maio e julho deste ano, a companhia também iniciou operações nas cidades de Cravinhos, São Carlos e São José do Rio Preto.

Nelas, a Algar Telecom agora conta com a estrutura comercial e técnica dos franqueados. A provedora está ofertando internet de banda larga com velocidades de 300 Mb, 600 Mb e 1 GB.

O empresário Sandro Elias será o franqueado responsável por Ribeirão Preto. Ele acumulou quase uma década de experiência em telecomunicações, mas deixou o segmento para atuar com construção civil. Hoje, ele e seu irmão, Marcos Elias, cuidam das operações da franquia em cidades de São Paulo e Minas Gerais.

Lançado em dezembro de 2017, o Algar Franquias é um modelo de negócios voltado para o crescimento estratégico da companhia. Ele entrou em operação em agosto de 2018, com a abertura da primeira franquia. Na fase inicial, 100% dos 10 clusters foram vendidos. “Antes de apostar nesse novo modelo, fizemos uma ampla análise de mercado e percebemos o potencial que havia por trás do negócio de fibra óptica, principalmente nas cidades menores”, afirma Elias.

Hoje, existem operações funcionando em 80 localidades na área de concessão, onde a empresa oferece a tecnologia de internet em fibra óptica. São 2.190 km de rede de fibra óptica construída pelos próprios franqueados e 273 km em fase de implantação.

A segunda fase da estratégia focou na expansão para outras localidades atendidas pelo backbone da Algar, como o interior de São Paulo, região Centro Oeste e Sul. Hoje são oito cidades fora da área de concessão operando com franquias: São Carlos (SP), Cravinhos (SP), São José do Rio Preto (SP), Balneário Camboriú (SC), Itajaí (SC), Anápolis (GO), Mogi das Cruzes (SP) e Ribeirão Preto (SP). (Com assessoria de imprensa)

FONTE: TeleSíntese
Aproveito a oportunidade para renovar meus protestos de respeito e consideração aos autores da publicação original.