A revolução da 5G não depende das operadoras, afirma Labriola

O CEO da TIM, Pietro Labriola, disse hoje, 28, que a revolução a ser vivenciada pela tecnologia 5G não vai depender das operadoras de telecomunicações, mas dos demais segmentos econômicos, visto que essa tecnologia é habilitadora do modelo Business-to-Business-to-Consumer (B2B2C) . E comparou o papel das redes das operadoras de telecomunicações com as plataformas Google Store ou Apple Store. ” As empresas criaram as plataformas, mas as  milhões de aplicações foram criadas por outras empresas”, observou.

Para que as operadoras possam viabilizar essa revolução para os demais segmentos econômicos, o executivo lembra que espectro é fundamental. E esse espectro, assinalou, “precisa ficar disponível imediatamente e ter valor justo de venda”. Para ele, a nova tecnologia abre uma grande oportunidade para o país, “que não podemos perder”.

FONTE: TeleSíntese
Mais uma vez, agradecemos aos autores originais desta publicação.